13 Benefícios do Home Office e dicas para ser produtivo!

Trabalhar em casa vai se tornar uma alternativa cada vez mais presente para funcionários e empreendedores. Mas você conhece os benefícios para a sua carreira e a sua vida?

O Home Office está se tornando uma alternativa saudável para a vida cada vez mais estressante nas cidades – incluindo até as outrora pequenas e pacatas – que se tornou um grande desafio para as empresas no que se refere à qualidade de vida dos funcionários no trabalho.

Afinal, quem hoje em dia, com tantas responsabilidades, consegue chegar bem disposto à empresa depois de horas em carros ou nos transportes coletivos e todos os problemas que o crescimento desordenado das cidades provoca?

E elas precisarão encarar mais algumas horas para voltar para casa – e viver um novo turno de tarefas, onde a atenção para a família é prejudicada pelo cansaço e o estresse.

Muitas pessoas conseguem, mas à custa de um esforço emocional, que afeta a motivação, aumenta as ausências e faz empresas perderem talentos.

Mas além de melhorar a produtividade dos funcionários, trabalhar em casa reduz custos e fortalece as relações.

Sim. Empresários, funcionários e empreendedores estão descobrindo as vantagens de trabalhar em casa e que vão além de começar a trabalhar cinco minutos depois do banho em casa.

Vamos falar um pouco sobre o home office: 13 benefícios e dicas para ser produtivo e ter mais qualidade de vida neste artigo sobre desenvolvimento!

Nesse artigo, você verá:

Quais os benefícios do home office para empresas e trabalhadores?

01 – Redução de custos trabalhistas

02 – Redução de custos operacionais

03 – Redução de custos pessoais

04 – Aumento da produtividade

05 – Mais qualidade de vida para o funcionário

Quais os cuidados para ter um home office produtivo?

06 – Crie um ambiente exclusivo de trabalho

07 – Invista na qualidade do ambiente de trabalho

08 – Mantenha a rotina

09 – Use a tecnologia a seu favor e com moderação

10 – Cuidado com a vestimenta e a aparência

11 – É preciso estar sempre disponível

12 – Exija o comprometimento da família

13 – Com um home office eficiente, aproveitamos melhor o tempo livre!

Quais os benefícios do home office para empresas e trabalhadores?

O trabalho em casa já é uma realidade no Brasil. Um número cada vez maior de empresas está implementando, de forma integral ou parcial, deixando funcionários em casa alguns dias por semana.

É um movimento que demorou para acontecer no país, por conta da desconfiança de gestores sobre o real controle das atividades e das performances.

Felizmente, é uma visão que ficou no passado: 25% dos profissionais já trabalham em casa pelo menos uma vez por semana. Com o sucesso em atividades que pode render mais remotamente – como TI e Marketing – a tendência é outras áreas serem incluídas.

Mas quais são os reais benefícios de trabalhar em casa? Vamos falar de alguns.

1 – Redução de custos trabalhistas

Com profissionais trabalhando regularmente em casa, a empresa pode gastar menos com benefícios como:

  • Despesas com locomoção;
  • Ressarcimento de gastos com combustível, em algumas posições;
  • Despesas com refeição.

Muitas empresas continuam oferecendo o benefício da refeição, porém como esse custo varia bastante entre as regiões de uma cidade, pode ser menor que a refeição próxima da empresa.

2 – Redução de custos operacionais

Com mais colaboradores trabalhando fora da empresa, é possível reduzir o custo com energia, telefonia fixa, internet, manutenção de espaços e até de equipamentos.

Evidentemente, algumas pessoas poderão ter despesas extras trabalhando em casa e isso deve ser considerado, mas em regra real existe um ganho, pois algumas despesas podem ser compartilhadas no consumo residencial.

3 – Redução de custos pessoais

Esse, sem dúvida, é um benefício que favorece muito os funcionários. Trabalhar em casa permite economizar em muitas despesas pessoais:

  • Combustível, quando não é ressarcido pela empresa;
  • Manutenção e depreciação do veículo;
  • Vestuário.

4 – Aumento da produtividade

Trabalhar diariamente sem pegar trânsito ou se preocupar com insegurança é um sonho de praticamente todas as pessoas e isso impacta muito positivamente na performance delas quando têm a oportunidade de usar o tempo de deslocamento para atividades mais úteis.

E não falamos apenas de dormir um pouco mais, mas também de tomar um café da manhã mais demorado, criar a rotina de levar os filhos na escola, ter mais tempo para assuntos pessoais.

A flexibilidade de horário é outro aspecto positivo; se a sua atividade permite um horário alternativo – como as equipes de TI, por exemplo – o ganho de performance será ainda maior!

É a qualidade de trabalho em um outro patamar.

5 – Mais qualidade de vida para o funcionário

Tudo que vimos até aqui, impacta de forma positiva na vida do colaborador, desde a saúde, se desgastando menos – e podendo se cuidar mais – até aproveitar prazeres que são sacrificados com a rotina.

Quando chegamos em casa cinco minutos depois de desligar o computador e ter mais tempo para se dedicar à família, assistir séries ou ir pesquisar como jogar poker, por exemplo, é que sentimos a diferença na nossa vida!

Quais os cuidados para ter um home office produtivo?

Trabalhar em casa é o sonho de todo profissional, principalmente aqueles que moram em grandes cidades, sufocadas pela desordem de crescimento e pela insegurança.

Quando o home office é criado, a primeira reação é comemorar em casa. Mas passados os primeiros momentos, muitas pessoas se perguntam: como lidar com essa nova situação?

A empresa certamente cria algumas regras e orienta sobre as boas práticas, mas também vai esperar pela presença e a produtividade, principalmente quando está criando um ambiente favorável à performance do colaborador.

A distância entre o sucesso e o insucesso de um regime de trabalho remoto é muito pequena e descuidos podem colocar tudo a perder. Vamos falar de alguns cuidados fundamentais, são as boas práticas para trabalhar em casa.

6 – Crie um ambiente exclusivo de trabalho

Essa é uma dica óbvia mas muito ignorada pelas pessoas: trabalhar em um espaço dedicado apenas ao trabalho.

Reserve um local da residência para o seu ambiente profissional – o ideal é um cômodo fechado, mas na falta dele, use um lugar por onde não haja circulação e passagem de pessoas.

E claro, que elas não parem para conversar com você quando não for adequado. Não deixe objetos que sejam de outras pessoas, para evitar a interferência.

Definir e isolar seu ambiente de trabalho é um ponto fundamental para gerar credibilidade para o gestor e garantir a qualidade dos trabalhos.

7 – Invista na qualidade do ambiente de trabalho

Podemos ter um local de trabalho melhor em casa do que na empresa, pois é possível personalizar, o que é muitas vezes inviável nas empresas.

Vamos falar de algumas dicas que podem gerar essa qualidade:

  • Iluminação: use a mais adequada, pois é fundamental para a sua performance em casa. Se for possível usar luz natural, ainda melhor, será um diferencial;
  • Ergonomia: invista em móveis – cadeira, mesa, altura de computador para suportar as muitas horas de trabalho;
  • Silêncio: é importante que o local seja o mais silencioso possível, para a sua concentração e para contatos por telefone e vídeo com a empresa.

8 – Mantenha a rotina

Sendo o horário original ou negociando um horário alternativo, a rotina em torno dele é fundamental para que seja cumprido sem imprevistos de um ambiente que, na origem, não é feito para trabalhar.

  • Aproveite o tempo a maior antes do começo do expediente mas sem risco de atrasos;
  • Evite ultrapassar o fim do expediente se não for absolutamente essencial.

Assim, você poderá aproveitar mais as horas do seu dia e não comprometer os trabalhos.

9 – Use a tecnologia a seu favor e com moderação

Para garantir a disponibilidade e também a qualidade da comunicação e da interação com os demais colaboradores, precisamos ter um ambiente tecnológico preparado.

Esse item costuma ser o principal problema no dia a dia e acaba prejudicando o home office de muitos profissionais – internet de baixa qualidade, falta de softwares de mensagens, áudio e vídeo gratuitos ou de baixo custo.

Por outro lado, devemos ter cuidado com os muitos estímulos para desviar a atenção: redes sociais, aplicativos de smartphone, notícias e conversas pessoais. A tecnologia é a sua maior aliada para trabalhar em casa, mas use ela a seu favor!

10 – Cuidado com a vestimenta e a aparência

O pensamento que mais prejudica o home office: sinônimo de trabalhar de pijama ou camisola. Pelo contrário, é importante termos cuidado com os trajes mesmo estando longe ou estando invisível.

Não é o caso de usar a roupa de trabalho na empresa, existe um meio-termo que vai contribuir para um incentivo: o conforto que, muitas vezes, não temos no rigor do dress code do escritório.

O segredo é a boa e velha roupa de ir à rua: bermudas, saias, vestidos, blusas e camisas leves, sempre em bom estado. Afinal, você pode ser chamado em vídeo a qualquer momento.

Outro aspecto importante nesse quesito é o efeito positivo de chegar no trabalho que uma roupa menos informal provoca; enquanto estamos com roupa de dormir, o cérebro não aceitou o expediente. O resultado: queda de produtividade.

11 – É preciso estar sempre disponível

Ir ao banco ou ao médico durante o expediente continuam válidos, você apenas mudou de local de trabalho. Mas devemos ter cuidado com a ausência sem justificativa.

Gestores, principalmente aqueles que ainda não têm experiência com equipes remotas, sempre buscarão a presença, mesmo virtual, como uma forma de sentirem-se seguros.

As longas ausências sem justificativas podem transmitir uma ideia de falta de gestão com o home office. A dica é ter a mesma disponibilidade que haveria na empresa – incluindo as pausas para o cafezinho e o horário de almoço cumprido à risca!

12 – Exija o comprometimento da família

Grande parte do sucesso no home office vem da postura comprometida da família com o novo momento – reconhecer que aquele espaço é uma empresa em casa.

Também é uma ótima oportunidade para que as pessoas – especialmente as crianças – entendam o seu trabalho e a importância dele na organização.

Muitas experiências de trabalho remoto se perdem pela dificuldade de separar os mundos profissional e pessoal.

13 – Com um home office eficiente, aproveitamos melhor o tempo livre!

Esse item certamente é o mais importante para todas as pessoas; quando criamos um ambiente de trabalho remoto organizado, os resultados são os melhores para a empresa e para a vida pessoal.

Sem as tantas interferências de um dia a dia na empresa e os transtornos de locomoção e segurança, podemos aproveitar melhor o tempo livre. Afinal, o fim do expediente está a dez metros do sofá!

Depois de um dia pesado de trabalho, não faltam prazeres para aproveitar o descanso, ficar mais satisfeito com a nova forma de trabalhar e ser mais produtivo.

Um ciclo virtuoso!

Uma das atividades de lazer mais interessantes é jogar pôquer online.

Hoje em dia, não precisamos sair de casa para jogar nas melhores mesas do mundo e campeonatos de alta qualidade com grandes premiações, como o BDPO.

O Brasil é o país com um dos maiores públicos de jogadores e as casas de jogos online investem mais em qualidade visual, recursos, promoções e no alto nível de segurança.

E o pôquer tem uma vantagem em relação a outros jogos: ele é classificado como um mind game (jogo da mente) no Brasil. Portanto, não há proibição de jogar pela internet, como acontece com os jogos de azar.

Ou seja, você pode relaxar depois de um dia de trabalho jogando online, com qualidade, segurança e renovar as energias para o próximo dia de trabalho – e em casa!

Gostou deste Artigo sobre Home Office?

Como vimos nesse artigo, o home office pode ser uma excelente modalidade de trabalho tanto para as empresas, que podem reduzir custos e aumentar a motivação das equipes quanto os colaboradores, que performam melhor em um dia com uma rotina melhor.

Será uma tendência de crescimento para os próximos anos, com tecnologias mais avançadas e permitindo que um negócio esteja em centenas ou milhares de casa com qualidade!

Andre